Sua Estupidez

Somente ontem assisti o especial do RC.
E tive uma grata surpresa ao ouvir Sophie Charlotte cantando Sua Estupidez. Quanta doçura!
A voz do Alexandre Nero é bem bonita, mas ele estava muito empolgado e o seu afastar de microfone pra “dosar a voz” me pareceu um tanto descontrolado.
Mas não vim falar dele.
Nem dela, na verdade.
“Sua Estupidez” foi gravada, pela primeira vez, em 1969. No primeiro de uma longa série de discos sem título, o artista ilustra solidão e tristeza na capa em que repousa abandonado numa praia vazia e, principalmente, em algumas das baladas mais desesperadas de sua história. Amplificando a linha soul que domina o disco, RC lança Tim Maia, autor do funk da pesada “Não Vou Ficar”. Nesse mesmo LP tem “As Curvas da Estrada de Santos”, “Sua Estupidez”, “As Flores do Jardim de Nossa Casa”.
Em 1971 foi a vez de Gal Costa gravá-la. E é essa versão que acho fantástica!
Para o meu paladar, melhor até que a (re)gravação belíssima do Acústico MTV, de 1997.
Eu não era nascida por ocasião das duas mais famosas gravações dessa música – a original, do Roberto e a arrasa quarteirão, da Gal.
Mas lembro, como se fosse hoje, de como me sentia quando eu e minha prima escutávamos as fitas K7 em seu quarto. Ou quando a escutava lá em casa – naquelas intermináveis manhãs de sábado ouvindo a vitrola tocar, disco após disco, toda a coleção do RC.
Gostava, particularmente, a maneira como a palavra “estupidez” era entoada.
E olhe que aos 7 anos esse tipo de letra não quer dizer muita coisa, né?!
Mas sempre me tocou a danada da música.
Conheci várias outras versões, mas a da Gal (de 71’) continua imbatível!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

agosto 2020
S T Q Q S S D
« out    
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31